Curiosidades que você não sabia sobre seu corpo

Conhecimento é poder: Quanto mais você sabe sobre o seu corpo, melhor pode se relacionar com ele e com o mundo, identificando problemas e soluções próprias. Cada organismo tem as suas demandas e coisas que funcionam exclusivamente dentro do seu contexto. Desta forma, é importante compreendê-lo e saber como o seu corpo funciona.


Confira alguns fatos que provavelmente você não sabia !


Seios


Em todas as partes do corpo humano, não existem simetrias perfeitas. Desta forma, os seios não são perfeitamente simétricos, conforme os especialistas. Em geral, a mama esquerda é ligeiramente maior do que a direita. Mas não se preocupe, pois a diferença normalmente é mínima e nem sempre é notada – a não ser em casos extremos, em que a intervenção médica pode ser necessária. Os mamilos também variam em seu tamanho e podem apontar para direções diferentes, o que também é perfeitamente normal.

Emagrecer é diferente de perder peso


Isso mesmo: Emagrecer e perder peso definitivamente não são a mesma coisa. Você pode fazer uma dieta da moda e perder peso momentaneamente, eliminando líquidos e massa magra (músculo), sem que esteja de fato perdendo gordura. É por este motivo que dietas malucas com duração de um mês, além de não funcionarem, podem ser prejudiciais, levando à desidratação, perda de vitaminas e minerais, cansaço crônico e ao temido efeito sanfona, perigoso a todos os órgãos.

 Desta forma, pratique exercícios regularmente e mantenha uma reeducação alimentar eficiente. Hidrate-se com pelo menos 3 litros de água todos os dias e turma bem. Assim conseguirá emagrecer de forma sadia.

Um corpo cada vez mais jovem


Como as células do nosso corpo estão sempre se renovando, os especialistas confirmam que um ser humano adulto tem células com “idade média” entre 7 e 10 anos. Assim, o seu corpo é cada vez mais jovem que a sua própria percepção. É claro que com o tempo a produção celular se degenera, e isso é um efeito natural.

 Há alimentos que contribuem a regeneração celular e combatem o envelhecimento precoce e as doenças relacionadas a ele – como Doença de Alzheimer, Mal de Parkinson, AVC e problemas cardiovasculares. Prefira os alimentos antioxidantes – como salmão, suco integral de uva e vinho, azeite de oliva, goji berry, etc.

A cor da sua língua


Há milênios os médicos examinam a língua como uma forma de detectar possíveis problemas de saúde. Isso mesmo: a sua língua diz muito mais sobre você do que você imagina.

Uma língua saudável deve ter um tom rosa claro. Vermelhidão e inchaço da língua indica a chamada glossite, inflamação. Se a sua língua tem a cor vermelho-brilhante acompanhada de febre e dor de garganta pode ser mais grave, pode ser uma infecção mais séria, envolvendo diferentes órgãos.

O popular sapinho, que é uma infecção fúngica, geralmente tratada com medicamentos antifúngicos em adultos saudáveis e crianças sem maiores consequências, é identificada por manchas brancas.

Uma língua muito pálida pode ser sinal de carência de nutrientes, como ferro, ácido fólico e vitamina B12, etc. Manchas de diferentes cores e tamanhos, sem sinal de dor pode ser apenas um acúmulo de alimentos, bactérias ou pelo uso de tabaco – basta limpar melhor e usar um enxaguante bucal.


Se a língua estiver vermelha e empolada, pode indicar desidratação local – pode ser um efeito colateral de alguns medicamentos de pressão arterial ou alergia ou apenas falta de hidratação natural. Beba mais líquidos regularmente.

1 comentários: